22 de setembro de 2008

Outra questão de perspectiva

Nos últimos dias anda a passar na rádio uma publicidade a uma estação televisiva noticiosa que a gaba como o canal que transformou a caixa que mudou o mundo, ou algo parecido.

Vai-se a ver e, de facto, tem alguma programação de jeito, como o 60 minutos (EUA) e o Toda a Verdade (UK). É claro que num aparece o Mário Crespo a bater as mãos (deve ser para sacudir o pó de não ter nada para fazer que não ler as traduções das introduções às reportagens), noutro mais uma anónima voz de locutor.

Agora reportagem e investigação próprias... e não se diga que a promo-reportagem de alegadas putas de luxo conta.

É claro que não são putas quaisquer - sabem ler para ter conversas inteligentes e satisfazer os clientes que lhes pedem sexo oral e anal que não têm coragem de pedir às legítimas.

2 comentários:

Patioba disse...

E que pagam, até, para terem companhia para beber um café... é espantoso! E pior, que o encaram com a maior das naturalidades, afinal, a moças estão a trabalhar...

Não sei se fico repugnada se com pena....

Mary disse...

nao são putas...são escorts!!!